Desordem sexual: como resolvê-los efetivamente?

A vida sexual é frequentemente um elemento capital para o desenvolvimento e a felicidade do casal, e certos problemas podem alterar esse equilíbrio.

É o caso de “colapso” e distúrbios sexuais.

É provável que isso crie tensão e frustrações no relacionamento. No entanto, esse é um problema comum e é por esse motivo que decidimos informar como as falhas sexuais funcionam e quais são as formas de resolvê-las de maneira rápida e fácil.

O que é um colapso sexual?

Na maioria dos casos, quando um homem quer fazer sexo com seu parceiro, seu corpo coloca todas as condições físicas e psicológicas para desencadear uma ereção que lhe permitirá ter esse relatório. Segundo os médicos, para que uma ereção seja considerada “boa”, ela deve atender a vários critérios, como:

  • A duração. A duração de uma ereção é muito importante porque determina o estado da saúde sexual. Por exemplo, uma erectilidade curta e pontual caracteriza um colapso e, quando dura mais de 4 horas, fala-se então de uma doença chamada priapismo;
  • Rigidez. É isso que determina a diferença entre uma ereção dura e uma ereção suave. Este critério também é essencial, porque, em tempos normais, durante uma ereção, o pênis é sempre rígido. Mas, no caso de distúrbio erétil, pode ficar mole, mesmo que possa ser seguido pela ejaculação.

Falamos então de quebras sexuais quando esse mecanismo é perturbado e o homem não é capaz de ter uma ereção.

Desagregação sexual em homens

Existem muitas preocupações sexuais que podem afetar os homens. Entre outras coisas, podemos destacar claramente:

  • impotência ou disfunção erétil;
  • priapismo  ;
  • ejaculação precoce .

As quebras sexuais geralmente se referem à disfunção erétil apontada. Quando estes duram mais de 3 meses, podemos falar verdadeiramente de disfunção erétil . Portanto, é aconselhável consultar um médico para entender a origem e encontrar os tratamentos adequados.

Um grande problema sexual: colapso sexual ou disfunção erétil

A disfunção erétil (ou disfunção erétil) pode ser definida como a incapacidade de atingir ou manter uma ereção suficiente para ter relações sexuais satisfatórias.

As causas da disfunção erétil podem ser múltiplas. O resultado é a incapacidade do pênis de inchar e endurecer devido à falta de fluxo sanguíneo para os corpos cavernosos do mesmo.

É isso que faz o sexo de um homem passar de suave a duro. Atualmente, a disfunção erétil é real e importante, afeta mais de 4 milhões de homens no Brasil.

Ainda assim, poucos homens consultam um médico e recebem tratamento adequado para tratar sua disfunção erétil e recuperar uma vida sexual satisfatória.

E se você busca algum estimulante sexual masculino conheça o Testomaca.

Violação sexual: consulte um terapeuta sexual

Se você sofre de repetidas violações sexuais, saiba que nesse momento difícil da vida, é provável que vários especialistas possam ajudá-lo.

E uma das pessoas mais bem colocadas, se ignorarmos as causas de um colapso sexual, certamente é a terapeuta sexual . Mais particularmente, um terapeuta sexual que, por causa de seu treinamento e experiência no assunto, possa encontrar com você a solução mais adequada, seja ela medicamentosa ou não.

A consulta de um terapeuta sexual às vezes pode ser difícil, pois é um processo problemático, mas também porque existem menos de 400 terapeutas sexuais no Brasil, dificultando a consulta.

Colapso sexual: trabalho psicológico e autoconfiança

Na maioria dos casos, a quebra do leito está frequentemente relacionada a um problema psicológico ou de autoconfiança.

É por esse motivo que é importante cuidar da sua saúde mental para desfrutar de uma sexualidade satisfatória. O apoio de um especialista como terapeuta sexual ou psicólogo é essencial se você estiver tendo dificuldades.

Você pode consultar sozinho ou acompanhado pelo seu parceiro, ele poderá detectar o bloqueio e oferecer as soluções perfeitas para recuperar a autoconfiança.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *